Fundos Europeus: 5 passos para garantir uma candidatura vencedora

Fundos Europeus:
5 passos para garantir uma candidatura vencedora

Os fundos europeus têm sido ferramentas decisivas e uma resposta clara no apoio às empresas e contribuído para que muitas organizações consigam adaptar-se às exigências do mercado e possam crescer de forma sustentada. Neste artigo vamos mostrar como garantir uma candidatura vencedora em 5 passos.

Fundos Europeus: 5 passos para garantir uma candidatura vencedora

Os fundos europeus têm sido ferramentas decisivas e uma resposta clara no apoio às empresas e contribuído para que muitas organizações consigam adaptar-se às exigências do mercado e possam crescer de forma sustentada. Neste artigo vamos mostrar como garantir uma candidatura vencedora em 5 passos.

Financiamento para um crescimento sustentável
Da transição digital à internacionalização passando pela capacitação das empresas, os fundos europeus têm sido fundamentais para que as empresas dos vários setores da economia continuem a conseguir recuperar e retomar os seus negócios. O Plano de Recuperação e Resiliência (PRR) tem sido um dos apoios basilares na recuperação, revitalização e modernização do tecido empresarial português, a par de outros incentivos financeiros como o Portugal 2030, mecanismo muito importante no apoio à Indústria, o Programa de Desenvolvimento Rural (PDR) para revitalização e modernização do setor agrícola ou ainda outros apoios de estímulo ao Turismo, à criação de empresas e projetos empresariais, contratação, criação de novos postos de trabalho, qualificação e emprego sustentável.

Alavancar a competitividade das empresas
Estes incentivos têm-se mostrado verdadeiras alavancas na competitividade das empresas nos mercados nacional e internacional, e têm munido as empresas de ferramentas essenciais para ultrapassar os desafios do futuro.

Como garantir uma candidatura vencedora?
Sabemos o quão importante é apresentar uma candidatura de qualidade no acesso a estes fundos, por isso, deixamos algumas dicas que podem ajudar na criação de uma candidatura vencedora:

1. Faça uma pesquisa sobre Fundos Comunitários:
O primeiro passo antes de preparar a sua candidatura é perceber quais os apoios mais adequados para a sua empresa. Existe um conjunto alargado de apoios e fundos comunitários para empresas. A Start PME disponibiliza um simulador de incentivos onde pode ter acesso a todos os apoios disponíveis para empresas e saber quais os que se adequam à sua empresa. Basta fazer uma pesquisa por setor de atividade e montante de financiamento.

2. Escolha apoios alinhados com os seus objetivos:
É importante saber identificar as oportunidades de financiamento que mais se adequam à sua empresa. Tente procurar apoios que se alinhem com os seus objetivos e projetos através da pesquisa por setor, região, montante de financiamento, entre outros indicadores relevantes.

3. Defina uma Estratégia de Financiamento:
É importante definir uma estratégia de financiamento sólida que inclua metas claras, a identificação de fontes de financiamento adequadas e a criação de um plano de ação detalhado que vá ao encontro dos objetivos do programa de financiamento que escolheu.

4. Cumpra os Requisitos e Regulamentos:
As candidaturas a fundos comunitários apresentam diversos requisitos de elegibilidade, cada um com as suas especificidades. É importante que o seu projeto vá ao encontro dos objetivos traçados por cada programa e satisfaça todas as condições de elegibilidade. Nesse sentido, é fundamental apresentar um projeto bem estruturado, com objetivos bem definidos, um orçamento detalhado e indicadores de sucesso para que a sua candidatura seja competitiva face a outros candidatos.

5. Demonstre o Impacto e Sustentabilidade do seu projeto:
A transição climática é uma condição comum a diversos fundos comunitários, por isso é fundamental ter esse fator em conta no momento da preparação do seu projeto e da elaboração da candidatura. Deve integrar uma componente de sustentabilidade no seu projeto e demonstrar quais os impactos positivos que o seu negócio pode ter na sociedade e na economia atual como por exemplo a criação de emprego sustentável, implementação de novas tecnologias, a promoção da inclusão social, entre outros fatores.

Precisa de ajuda com o seu projeto? A nossa equipa é especializada na elaboração de candidaturas a fundos europeus. Entre em contacto connosco.

Andreia Arenga
21.03.2024

Partilhar

Financiamento para um crescimento sustentável
Da transição digital à internacionalização passando pela capacitação das empresas, os fundos europeus têm sido fundamentais para que as empresas dos vários setores da economia continuem a conseguir recuperar e retomar os seus negócios. O Plano de Recuperação e Resiliência (PRR) tem sido um dos apoios basilares na recuperação, revitalização e modernização do tecido empresarial português, a par de outros incentivos financeiros como o Portugal 2030, mecanismo muito importante no apoio à Indústria, o Programa de Desenvolvimento Rural (PDR) para revitalização e modernização do setor agrícola ou ainda outros apoios de estímulo ao Turismo, à criação de empresas e projetos empresariais, contratação, criação de novos postos de trabalho, qualificação e emprego sustentável.

Alavancar a competitividade das empresas
Estes incentivos têm-se mostrado verdadeiras alavancas na competitividade das empresas nos mercados nacional e internacional, e têm munido as empresas de ferramentas essenciais para ultrapassar os desafios do futuro.

Como garantir uma candidatura vencedora?
Sabemos o quão importante é apresentar uma candidatura de qualidade no acesso a estes fundos, por isso, deixamos algumas dicas que podem ajudar na criação de uma candidatura vencedora:

1. Faça uma pesquisa sobre Fundos Comunitários:
O primeiro passo antes de preparar a sua candidatura é perceber quais os apoios mais adequados para a sua empresa. Existe um conjunto alargado de apoios e fundos comunitários para empresas. A Start PME disponibiliza um simulador de incentivos onde pode ter acesso a todos os apoios disponíveis para empresas e saber quais os que se adequam à sua empresa. Basta fazer uma pesquisa por setor de atividade e montante de financiamento.

2. Escolha apoios alinhados com os seus objetivos:
É importante saber identificar as oportunidades de financiamento que mais se adequam à sua empresa. Tente procurar apoios que se alinhem com os seus objetivos e projetos através da pesquisa por setor, região, montante de financiamento, entre outros indicadores relevantes.

3. Defina uma Estratégia de Financiamento:
É importante definir uma estratégia de financiamento sólida que inclua metas claras, a identificação de fontes de financiamento adequadas e a criação de um plano de ação detalhado que vá ao encontro dos objetivos do programa de financiamento que escolheu.

4. Cumpra os Requisitos e Regulamentos:
As candidaturas a fundos comunitários apresentam diversos requisitos de elegibilidade, cada um com as suas especificidades. É importante que o seu projeto vá ao encontro dos objetivos traçados por cada programa e satisfaça todas as condições de elegibilidade. Nesse sentido, é fundamental apresentar um projeto bem estruturado, com objetivos bem definidos, um orçamento detalhado e indicadores de sucesso para que a sua candidatura seja competitiva face a outros candidatos.

5. Demonstre o Impacto e Sustentabilidade do seu projeto:
A transição climática é uma condição comum a diversos fundos comunitários, por isso é fundamental ter esse fator em conta no momento da preparação do seu projeto e da elaboração da candidatura. Deve integrar uma componente de sustentabilidade no seu projeto e demonstrar quais os impactos positivos que o seu negócio pode ter na sociedade e na economia atual como por exemplo a criação de emprego sustentável, implementação de novas tecnologias, a promoção da inclusão social, entre outros fatores.

Precisa de ajuda com o seu projeto? A nossa equipa é especializada na elaboração de candidaturas a fundos europeus. Entre em contacto connosco.

Andreia Arenga
21.03.2024

Partilhar

Voltar para Notícias